Páginas

Final original do ano (in)par


Chamem-me mentiroso...mas tinha que vos dar outra...não me interessa, não podia deixar de partilhar este video cá do burgo antes do final deste aninho quase despedido.
Em tempo de crise tiro o meu barrete de inverno à TAP apesar de não ser originalmente global, cá pelo burguinho penso que foi. Que 2010 traga momentos multiplicados destes e de outros.
( thanks Cris)

11 comentários:

Apenas eu disse...

Olá :)

Que o 2010 te dê tudo o que esperas da vida. e que tu nos dês a nós mais momentos como este e outros.

Um grande beijinho

Som do Silêncio disse...

:)
Olá Mika!!

Desde já agradeço a tua visita e fco satisfeita por dizeres que irás voltar!

Não conhecia o teu espaço, e foi uma boa oportunidade para o conhecer.

Em relação ao video, sem dúvida, embora não seja uma ideia totalmente original, não deixa de ser algo que "roubou2 uns sorrisos aos presentes, e como tu mesmo dizes, neste tempo que passamos, é algo que cada vez é mais difícil.."roubar" um sorriso.

Beijo meu

Som

P.S.Vejo que também tens uma boa relação com o mar...

Parisiense disse...

Ano Novo Vida Nova, já é bem conhecido o ditado, mas desta vez que começamos uma nova década é mesmo necessário viramos uma página e começar um novo ano cheio de alegria, muito amor e muita paz.

Que este novo ano traga tudo de bom e o que mais desejares.

Obrigada pela visita ao meu cantinho.

Bonne Année 2010.

Bisous.

impulsos disse...

Espectacular, mesmo!!

Venho de mansinho agradecer as tuas belas palavras que guarneceram o meu cantinho e que ainda não tinha tido oportunidade de retribuir.
Obrigado!

Quero também aproveitar para te desejar um Feliz 2010!

Beijo

continuando assim... disse...

gostei de ver v:) :)

passarei mais vezes ...
um feliz 2010
bj
teresa

dulce disse...

Olá,

Desejo-lhe um Feliz 2010! Com muita alegria.
Essencialmente!!

Beijo

Dulce

as velas ardem ate ao fim disse...

Lembra te:

Para você ganhar belíssimo Ano Novo
cor do arco-íris, ou da cor da sua paz,
Ano Novo sem comparação com todo o tempo já vivido
(mal vivido talvez ou sem sentido)
para você ganhar um ano
não apenas pintado de novo, remendado às carreiras,
mas novo nas sementinhas do vir-a-ser;
novo
até no coração das coisas menos percebidas
(a começar pelo seu interior)
novo, espontâneo, que de tão perfeito nem se nota,
mas com ele se come, se passeia,
se ama, se compreende, se trabalha,
você não precisa beber champanha ou qualquer outra birita,
não precisa expedir nem receber mensagens
(planta recebe mensagens?
passa telegramas?)


Não precisa
fazer lista de boas intenções
para arquivá-las na gaveta.
Não precisa chorar arrependido
pelas besteiras consumidas
nem parvamente acreditar
que por decreto de esperança
a partir de janeiro as coisas mudem
e seja tudo claridade, recompensa,
justiça entre os homens e as nações,
liberdade com cheiro e gosto de pão matinal,
direitos respeitados, começando
pelo direito augusto de viver.


Para ganhar um Ano Novo
que mereça este nome,
você, meu caro, tem de merecê-lo,
tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil,
mas tente, experimente, consciente.
É dentro de você que o Ano Novo
cochila e espera desde sempre.
[Carlos Drummond de Andrade]

Bjos Bom Ano!

louca esquizoffrenica disse...

Um feliz ano novo Mika

mjf disse...

Olá!
Desejo-te que 2010 te traga tudo o que desejares:=))

Beijocas
Feliz Ano Novo

Maria disse...

E é de frente para o mar que te desejo um excelente 2010...

Beijo

Humana disse...

Já tinha visto iniciativas do género de outros Países mas gostei muito.
É realmente contagiante! :D
Beijinhos