Páginas

Um instrumento de Jazz

A primeira bacurada deste ano novo foi no jornal público televisivo e logo no dia 1.
A repórter estava no casino do Estoril de microfone em punho para uma peça sobre a actuação de Woody Allen no reveillon do jet 7. Perguntou a varias carinhas da sociedade da linha e arredores, e as repostas hesitavam entre o saxofone e o clarinete.
Até que uma tia de bolsinha dourada, 255 gramas de base e casaco de peles por cima de um decote infinito, teve também o seu momento de glória televisivo:
A repórter – Sabe que instrumento é que toca o Woody Allen ?
A tia - Sim claro toca jazz…
Conclui-se portanto que ela confundiu instrumento, com estilo…ou teve muito pouco estilo na resposta acerca do instrumento…ou será que preferia que o instrumento tivesse mais estilo?...ou ainda que o estilo não interessa nada, o que importa é o instrumento…
Mas mesmo assim vai tudo para o casino ver o WA…mas…será que sabem que vão ver o homem tocar no instrumento? Ou pensam que vão ao cinema e levam um baldinho de pipocas ?
Viva 2005

2 comentários:

maria_arvore disse...

O estilo «tias», para além de aloirar o cabelo às aderentes, faz com que à mínima música confundam os instrumentos todos. E não vamos pedir a um mármore de Carrara que tenha opinião.

Já agora, aproveito para te desejar um óptimo 2005, esperando que tenhas tido umas boas entradas e saídas.

Anónimo disse...

Sorrio...é isso mesmo e...." toca jazz…" e apenas mudamos de ano os "intelectuais" continuam iguais, mas deixa lá os os burriquitos certamente algo aprenderam e até cresceram.

Que do azul do teu céu até ao azul dos teus lençóis este ano e sempre sejas coroado do azul do teu desejo